Posts com Tag ‘Bahia’

Prado é uma pequena cidade, localizada a 213km de Porto Seguro em direção ao sul da Bahia. A cidade conta com casas coloridas, casarões antigos e ruas de pedra. Seus moradores tem um outra versão da história do Brasil, eles afirmam que a Barra do Cahy, que hoje pertence ao município, é o ponto geográfico onde Pedro Álvares Cabral desembarcou pela primeira vez. Em dias claros, é possível avistar o Monte Pascoal a partir dessa região, possivelmente do mesmo ângulo que os portugueses descrevem na conhecida carta de Pero Vaz de Caminha.

A igreja Matriz branca e azul no centro da praça principal é ponto de encontro dos pradenses que, durante os finais de semana, ficam de portas e janelas abertas observando o movimento nas ruas e as crianças brincando. Localizada na Costa das Baleias, Prado tem 84 km de praias tranqüilas, algumas quase desertas, e é cortada por três rios: o Corumbau, Cahy e Jucuruçu.

Não deixe de visitar a Ponta do Corumbau, a última praia em direção ao norte do Estado e uma das mais belas da região. As falésias avermelhadas de 30m de altura da Praia da Paixão atraem os mais aventureiros pois permitem vôos de parapente sobre o mar.

Outra praia bastante famosa na região é Cumuruxatiba, apelidada de “Cumuru” por alguns. De lá, partem passeios de barco para avistar baleias jubarte que, nos meses de junho a novembro, dão show na costa baiana. De Cumuru e de Prado partem embarcações para os recifes de Guaratiba e Timbebas e, de Caravelas, para o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, que também é considerado o segundo melhor lugar de água salgada para praticar mergulho com cilindro.

Os passeios de barco pelo rio Jucuruçu até o encontro com o mar são uma alternativa quando as condições do mar não estão boas. Na volta, o turista pode conhecer uma parte do mangue vermelho e ver as espécies de caranguejo que habitam a região.

A gastronomia que mistura pratos e temperos tipicamente baianos e elementos de cozinha internacional é um dos principais chamativos de Prado. No mês de outubro, quando acontece o festival gastronômico da cidade, restaurantes e lanchonetes preparam um novo prato para o evento, que pode ser adicionado ao cardápio, caso seja bem aceito. O Beco das Garrafas, como é conhecido o charmoso conjunto de ruas de pedra onde não entra carro, é palco da boemia da cidade.

Depois que o aeroporto de Caravelas, a 51 km, foi fechado, a alternativa mais próxima para quem vêm de avião é o aeroporto de Porto Seguro. A maioria dos turistas costuma vir de carro.

Fonte: UOL Viagem

Anúncios

Itacaré – Bahia

Publicado: 23/12/2008 por Andrew em Viagens & Passeios
Tags:, , ,
Jota Freitas)

Itacaré: Praia da Engenhoca (Foto: Jota Freitas)

Turismo – O Brasil é um país repleto de belezas naturais. Em todos os Estados é possível desfrutar da excelência da natureza. Sem dúvida, um dos lugares mais procurados pelos turistas é a Bahia. E uma das cidades que merece destaque no Estado é Itacaré.

A cidade de Itacaré foi elevada à condição de município em 1732. Seus primeiros habitantes foram os índios Pataxós. No início do século XVIII, os jesuítas construíram a igreja de São Miguel que não se perdeu no tempo. Prova disso, é que até hoje ela continua de pé.

O porto da cidade de Itacaré, que proporcionava uma importante ligação entre as outras regiões do município, foi perdendo força quando as primeiras estradas foram construídas.

A cultura do cacau, durante muitos anos, desenvolvida na cidade foi preservada. A influência do fruto foi tão forte que o município passou a ser incluído, também, na Costa do Cacau. Hoje, Itacaré vive da pesca e, principalmente, do turismo.

Com uma área de 730 km, com cerca de 20 mil habitantes, a cidade de Itacaré mantém as belezas da Mata Atlântica repletas de riachos que deságuam no Oceano Atlântico, relevos que vão das rochas aos morros à beira mar, reservas ecológicas e praias em forma de concha.

E são todos esses atrativos proporcionados pela natureza que tornam o município de Itacaré a cidade dos contrastes. Nela é possível encontrar lugares para a badalação e prática de esportes. Sem falar, é claro, da tranqüilidade que faz os visitantes se sentirem em casa.

Denominações para a cidade de Itacaré é que não faltam. Chama-se o município, também, de cidade do surf. Algumas praias, com água cristalina e agitadas ondas, são muito procuradas pelos praticantes do esporte.

Atrativos culturais e históricos de Itacaré

Caminhando pelos bairros da cidade de Itacaré, é possível observar o charme das construções históricas, como a igreja de São Miguel, construída em 1718, e a Casa dos Jesuítas. Hoje, outras construções de época preservam suas fachadas. Porém, muitos desses casarões se transformaram em pousadas que geram bons lucros para o desenvolvimento do município.

Os bares, localizados no centro da cidade de Itacaré, estão sempre cheios de pessoas que gostam de sair à noite para curtir uma balada. Neles, é possível apreciar luaus e festas com ritmos como o forró, reggae e axé.

Fonte: O Radical