A pergunta que não quer calar: Por que Kirchner trouxe sua própria marmita?

Publicado: 23/03/2009 por Kakao Braga em Atualidades

Na semana passada, os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, discutiram, em reunião na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), as medidas protecionistas adotadas pelos dois países, na relação bilateral.

Mas, a pergunta que não quer calar é por que a chefe de Estado da Argentina fez questão de trazer sua própria comida e água? O fato foi divulgado pela coluna “Direto da Fonte” de Sonia Racy, no Jornal “O Estado de S. Paulo”.

Permanece a dúvida: Será que Cristina achou que o refeitório da Fiesp não ofereceria um almoço condizente com a sua importância argentínica? Ou será que sentiu falta da água argentina “ligeiramente” contaminada pelo arsênico?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s