Nova ortografia causa dúvidas

Publicado: 09/01/2009 por Kakao Braga em Atualidades, Educação
Tags:, ,

 O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa entrou em vigor na quinta-feira, dia 1º, mas ainda é motivo de dúvidas até mesmo entre os especialistas. O acordo institui diversas mudanças na ortografia do português, entre elas a extinção do trema, a incorporação das letras “k”, “w” e “y” ao alfabeto e novas regras de acentuação e uso do hífen (Confira no infográfico o que muda).

O acordo é criticado por deixar margem à interpretação na decisão sobre que palavras devem ganhar ou perder hífen. O texto diz que devem perder o hífen, por exemplo, os termos compostos “em relação aos quais se perdeu, em certa medida, a noção de composição”. Como não há jeito objetivo de se dizer em que palavras a “noção de composição” se perdeu ou não, o texto ficou impreciso.

Sites oferecem corretores

Alguns sites já oferecem o serviço de corretor com a nova ortografia, mas foram prejudicados com a falta de definição em relação a algumas palavras, cuja grafia não é esclarecida pelo Acordo. Em alguns casos, mesmo nos de regras já definidas, a correção é feita de maneira errada. Ainda existem várias dúvidas, mas as respostas só virão com a publicação do novo Volp (“Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa”), que deve ocorrer no final de fevereiro ou no início de março.

O software livre BrOffice, concorrente do Microsoft Word, tem, desde julho, um corretor com download gratuito. Mas até agora foram feitas duas atualizações, pois ainda há dúvidas em torno da nova grafia –como no caso do prefixo “re” e em palavras como “subumano” ou “sub-humano”. A Porto Editora, uma das maiores de Portugal, também criou um conversor. O acesso é gratuito, mas, em um teste rápido feito pela reportagem, de três palavras em uma frase que deveriam ser convertidas, apenas duas foram trocadas. O site do empresário Edney Souza tem o conversor, mas apresenta problemas em relação ao uso do hífen. O editor de textos Word poderá ter seu corretor de português atualizado só a partir do segundo semestre.

Para quem precisar de uma resposta oficial sobre alguma dúvida de grafia, a Academia Brasileira de Letras oferece o ABL Responde, em que especialistas esclarecem dúvidas enviadas pelo site, mas não dão prazo para a resposta.

Fontes: O Globo e Folha Online

Anúncios
comentários
  1. taina disse:

    muito bom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s