Símbolos: Tao ou Yin Yang

Publicado: 23/07/2009 por Kakao Braga em Atualidades, Espiritualidade & Religião, História
Tags:, , ,

tao10O Yin-Yang é o símbolo do Taoísmo, uma das mais conhecidas filosofias dharmicas.

Tao 道(pronuncia-se tao, mas na grafia chinesa Pinyin escreve-se Dao) significa, traduzindo literalmente, o Caminho, mas é um conceito que só pode ser apreendido por intuição. O Tao não é só um caminho físico e espiritual; é identificado com o Absoluto que, por divisão, gerou os opostos/complementares Yin e Yang, a partir dos quais todas as «dez mil coisas» que existem no Universo foram criadas.

Um círculo dividido ao meio por uma linha ondulada; uma metade é negra (yin) e a outra é branca(yang). Representa o macro e microcosmos e as duas energias que regem o mundo, yin e yang; o feminino e o masculino; o bem e o mal; preto e branco; o escuro e o claro; a noite e o dia; a ordem e o caos; – energias opostas que se complementam e são o fundamento da “totalidade”. A força intrínseca do Universo convertendo-se ora em uma, ora em outra. É o limiar entre os opostos, como se um estivesse contido no outro, em eterno movimento, pois as forças opostas são parte da mesma perspectiva divina.

Cada metade tem também um pequeno círculo da cor oposta, ou seja, a metade branca tem um círculo negro e a negra tem um círculo branco. O círculo menor representa a presença de cada um no outro.

Os chineses acreditavam que todas as pessoas, homens ou mulheres, passam por fases yin e yang. A personalidade de cada um não é uma entidade estática, mas um fenômeno dinâmico resultante da interação entre elementos masculinos e femininos. Essa concepção da natureza humana está em contraste flagrante com a da nossa cultura patriarcal, que estabeleceu uma ordem rígida em que se supõe que todos os homens, machos, são masculinos e todas as mulheres, fêmeas, são femininas.

A moderna interpretação ocidental atual está longe de refletir o significado original dos termos chineses. É um símbolo muito presente não só na religião, mas também em toda a cultura do mundo contemporâneo e é conhecido tanto no Ocidente quanto no Oriente. Um exemplo disso é o brasão de armas do renomado físico de Mecânica Quântica Niels Bohr que tem o símbolo chinês do Tao yin-yang e acima deste a frase, em Latim: “Contraria sunt complementa” que significa os opostos ou os contrários são complementares.

About these ads
comentários
  1. klose santos disse:

    eu tenho todo respeito as religiões de cada um, mais não devemos acreditar em um simbolo que diz que temos que ter o bem e o mal, mais eu acredito que temos de ter o bem, mais ñ o mal, e porisso essa força , energia vem de quem? de Deus e Deus ñ vai querer que vc tenha o mal em si, ressumindo Deus crio o mundo e a quele que acreditar nele mais ñ acriditar em um simbolo que ñ chega nem aos pés dele!!!!!!! , ai ssim vc vai ter mais ressutado. espero que minha opinião valeu…..

  2. José Francisco Gil Monteiro disse:

    “Eu sou o caminho… ” A partir desta palavra, não há como buscar outro caminho, concordo que há o bem e o mal, a luz e as trevas, etc… Porém se Ele disse: ” __Sou o alfa e o omega, o principio e o fim….” Preciso explicar mais alguma coisa???

  3. lucia disse:

    eu queria saber poeque o filme kung fu panda tem esse simbolo

  4. Inês barbarina disse:

    Todos nós temos o bem e o mal dentro de nós. O importante é buscar o equilíbrio. Tenho ese símbolo no meu lugar de trabalho, é meu guia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s